Pular para o conteúdo principal

Três pontos de proteção energética



Quem tem conhecimento sobre a importância do campo energético para manter a saúde física, mental e emocional, compreende a necessidade de manter este campo, bem limpo e protegido.

Há inúmeras técnicas muito eficientes, especialmente quando realizadas com constância, utilizando desde visualizações a elementos como cristais, sal, aromas e sons. Porém, há algumas formas de proteção que se complementam e são fundamentais para que as outras mostrem resultados sólidos. Vamos à elas:

Alinhamento: conforme explicado em vídeo esta semana, o alinhamento dos chakras - nossos sistemas de força e energia - é fundamental, e acontece quando os chakras estão rodando na direção adequada, na velocidade adequada, com a coloração natural. Dessa forma as camadas energéticas progressivamente se restauram para sua configuração natural, eliminando deformações, fissuras e outras distorções. O alinhamento também permite que o fluxo de energia aconteça de forma harmoniosa, o que gera alegria, paz, satisfação.

Equilíbrio: manter alta frequência focando em sentimentos benéficos é maravilhoso para a sensação de plenitude, além de facilitar o acesso às melhores oportunidades - com o campo alinhado e em alta frequência, atraímos as melhores oportunidades, pessoas em boa sintonia, tudo parece conspirar a nosso favor. Porém, quanto mais alta a frequência, maior a luz, maior a suscetibilidade a ataques de energias densas - tanto que o branco é uma cor não recomendável para quem deseja proteção. A luz é como um chamariz para a escuridão, uma vez que ambos são opostos que coexistem. Portanto, a zona de maior proteção é a do equilíbrio - nem tanta luz, nem escuridão. A luz deve ser compartilhada com aqueles que estão nessa mesma frequência, apenas. Quando os chakras estão alinhados, o equilíbrio acontece naturalmente.

Integridade: a integridade refere-se a ser quem é essencialmente, ser fiel às próprias características e sonhos, com amor, sem julgamentos ou críticas exacerbadas. Exige que a pessoa deixe de se preocupar com as expectativas sociais e passe a desenvolver profundo amor próprio sem no entanto, desenvolver características não-benéficas como arrogância ou egoísmo. Além do amor-próprio a integridade refere-se a conviver muito com o o Universo, sentindo-se parte e não, separado; sentindo responsabilidade mas não, culpa. A ausência de integridade causa falhas no campo, produzindo modificações na assinatura energética que tornam-se cada vez mais resistentes com o passar do tempo.

Alinhamento, equilíbrio e integridade se complementam, pois um impacta no outro, produzindo camadas energéticas funcionando em perfeita sintonia, tornando assim o ataque de energias densas menos prováveis e com efeitos menos destrutivos.


---> Para quem desejar aprender mais sobre técnicas de Proteção Quântica temos um curso neste link ---> AQUI.

Postagens mais visitadas deste blog

O Mapa da Consciência de Hawkins - frequência vibracional

David R. Hawkins foi um médico psiquiatra que dedicou sua vida a estudos que ajudassem a melhorar o bem estar do ser humano.


Através da cineseologia e alguns testes simples conseguiu desenvolver uma metodologia capaz de  medir a frequência do campo vibracional de pessoas, filmes, documentos, criando uma escala chamada "Níveis de consciência de Hawkins" onde computou os sentimentos do mais baixo - vergonha, 20 Hz - ao mais elevado - Iluminação, de 700 a 1000 Hz.

Doenças emocionais de A a Z: Abcessos e furúnculos

Abcessos





São acúmulos de pele causados por obstrução de glândulas sebáceas ou sudoríparas, onde há células mortas, bactérias e outros detritos. Há uma resposta inflamatória do organismo, causando acúmulo de pus, vermelhidão, dor, inchaço.

Doenças emocionais de A a Z - Apendicite

A apendicite é caracterizada por um bloqueio na vida causado pelo medo.



Vítimas dessa doença mostram alegria dispersa e  resistência a quebrar um padrão ficando agarradas a situações como relacionamentos, profissão, que não trazem satisfação por medo de tomar outro caminho.