Doenças emocionais de A a Z - Acne, espinhas e cravos

Acne, espinhas e cravos na pele do rosto mostram pessoas insatisfeitas e revoltadas que guardam mágoa e raiva por terem sidos reprimidas por pessoas com autoridade sobre elas. Pessoas com essas manifestações não conseguem ver a beleza do mundo e de se estar vivo.




O rosto simboliza o que a pessoa pensa sobre seu ambiente e sobre outras pessoas. Quando sua visão de mundo é de que tudo no entorno é feio - pessoas, comportamentos, ambiente - a pele reage gerando inflamações. Em seu interior guardam a visão de que o mundo é feio, se auto-rejeitam por terem raiva de si mesmas e têm dificuldades para confiar. Tem medo de perder a pureza interior, mas mostram crenças contrárias.

A família, com seu intuito de proteger e ensinar os filhos a se defenderem dos perigos do mundo, podem acabar exagerando ou fazendo-o de forma inadequada, incutindo uma visão de que tudo é sujo, o que fica gravado em seu inconsciente. Quando deixa de ser criança e encontra essa visão no mundo real a sujeira eclode em forma de erupções.

Para auxiliar no tratamento da acne o indivíduo precisa buscar a sua essência mais pura e limpa, mudar sua percepção acerca do mundo compreendendo as limitações alheias, buscando a beleza da vida, buscando sua própria beleza interior e isso certamente se refletirá em seu exterior.

É preciso uma limpeza dos sentimentos - mágoas, ressentimentos, intolerância - compreendendo que sua colaboração será muito mais válida se passar a enxergar o mundo como um lugar bom de se estar.  Buscar compreender que as pessoas têm sua beleza e que ir em frente rumo ao futuro é seguro. Perdoar e fazer as pazes com a família e/ou com seus repressores também é fundamental.

Novo padrão sugerido: eu me amo e me aceito no aqui e agora. Eu liberto minha melhor essência. A vida é maravilhosa e sinto que posso confiar no futuro e na essência das pessoas. Eu confio no poder renovador da natureza e acolho a beleza da vida.


Chakra relacionado: cardíaco
Cor sugerida: verde, rosa ou dourado

Para que se possa abranger o maior número de doenças possível, publicaremos as doenças periodicamente em ordem alfabética. É importante sempre avaliar com calma cada caso, olhando para o interior, conversando consigo mesma/o para perceber qual é o padrão arraigado e como este pode ser substituído por um novo padrão, visto que todas as doenças partem do eu, do que criamos em nosso interior e se manifesta no exterior. Em seguida, fale consigo  várias vezes sobre o novo padrão e sempre com a postura de que a doença já está curada.



Livros de referência:

  • Você pode curar sua vida
  • Linguagem do corpo
  • Metafísica da saúde


imagem pixabay